Que atividade física proporciona maior perda de calorias?

Extraído de: Nominuto.com   Abril 25, 2010

O Nominuto.com pesquisou o gasto calórico de diversos exercícios - corrida, pilates, muay thai e natação, entre outros - para tentar responder à pergunta.

Ao procurar alguma atividade física, o interesse da maior parte das pessoas é um: perder peso. Qual seria, então, o exercício com maior queima de calorias em uma hora de prática? O portal Nominuto.com pesquisou o gasto calórico de atividades como o jump, caminhada, corrida, musculação, pilates, muay thai, spinning, hidroginástica e natação para tentar responder esta pergunta.

Destes, o que proporciona maior perda média é o muay thai, com queima de 800 calorias. O spinning também tem gasto equiparado, que pode variar de 600 a 800 cal. Para o professor de educação física e personal trainer Bernardo Morais, no entanto, estes dados são relativos. Apesar de existir um valor médio para a perda de peso referente ao exercício, a intensidade com a qual o aluno o pratica é determinante.

Já tive um aluno de natação que conseguiu queimar por volta de 1.000 calorias, enquanto outro queimou apenas 300, relata. Ele diz que, dependendo do direcionamento dado, o gasto de uma hora de natação ou corrida pode se equiparar à do spinning ou muay thai.

Foto: Elpídio Júnior

Já tive um aluno de natação que conseguiu queimar por volta de 1.000 calorias, enquanto outro queimou apenas 300, relata.


Neste ponto, Bernardo recomenda: a melhor atividade física é aquela que se gosta. A partir do momento em que o esporte se torna uma obrigação, em que não é prazeroso praticá-lo... é comum que a prática seja cortada da rotina do aluno, afirma.

Para começar e adquirir algum condicionamento físico, no entanto, é recomendada a caminhada. O ideal é ir, aos poucos, aumentando o ritmo do passo para que os efeitos sejam consistentes. Enquanto caminhar moderadamente implica em queima de aproximadamente 216 calorias, ao passar para o ritmo acelerado, o gasto pode chegar a 384 calorias. Ao correr, por sua vez, a perda pode beirar as 800 cal. Para tanto, é preciso ter cuidado com o impacto na coluna e no joelho. Um bom tênis, no caso, é fundamental.

Foto: Vlademir Alexandre

Para começar e adquirir algum condicionamento físico, no entanto, é recomendada a caminhada.


Mesmo assim, não há restrição quanto a uma atividade inicial. Um principiante pode encarar até o muay thai ou outra luta marcial. Antes se tinha a visão de que a arte marcial visava apenas a formação de lutadores. Hoje já é possível ter programas de exercícios que se adequam à população como um todo, enfatiza o personal trainer. O muay thai proporciona tanto aprimoramento do condicionamento físico, quanto coordenação e concentração, além de estimular a parte muscular. Daí fica fácil saber o porquê da grande perda calórica.

É preciso lembrar, contudo, que toda atividade deve ser acompanhada de uma dieta apropriada. Para emagrecer, a dieta representa queima de 60 a 70%. Com as atividades físicas e, consequentemente, a aceleração do metabolismo, esta percentagem sobe para 80%. Além disso, os exercícios otimizam esse gasto de forma mais saudável regulando taxas hormonais e melhorando o funcionamento do corpo.

Foto: Vlademir Alexandre

Já tive um aluno de natação que conseguiu queimar por volta de 1.000 calorias, enquanto outro queimou apenas 300, relata.


Para ganhar massa muscular, a musculação é a melhor pedida. Para cada hora de treino, pode-se perder, em média, 300 calorias ao se exercitar com pesos de intensidade moderada. Outro ponto positivo é que, quanto maior a massa muscular, mais energia é necessária para mantê-la. Assim, o praticante de musculação deve consumir mais carboidratos. Para também perder peso de forma eficiente, a atividade deve ser complementada com exercícios aeróbicos.

Um deles, que tem se tornado cada vez mais popular, é o jump. Além de ajudar a emagrecer, ele é atrativo pois sempre é feito ao som de trilha sonora músicas sempre agitadas e estimulantes. O jump trabalha com variações de intensidade e fortalece, sobretudo, os membros inferiores.

Foto: Arquivo Nominuto

O jump trabalha com variações de intensidade e fortalece, sobretudo, os membros inferiores.


Outro aeróbico bastante conhecido é a natação. Ela e a hidroginástica têm um benefício claro: a redução do impacto e a maior possibilidade de movimentação. Para quem tem problemas respiratórios, a natação é altamente indicada. Isto, uma vez que a dificuldade do asmático, por exemplo, é em soltar o ar inspirado. Como a expiração é feita embaixo dágua, há um fortalecimento do pulmão. A natação queima, em uma hora de prática, aproximadamente 350 calorias.

A hidroginástica, por sua vez, chega a surpreender. É preciso mudar essa ideia de que a hidro é apenas para idosos. Alguns dos exercícios que eu fazia com uma turma de idosas, meus alunos de natação não conseguiam fazer, constatou o professor de educação física Bernardo Morais. A hidroginástica pode consumir até mais calorias que a natação, com perda de uma média de 650 cal.

Foto: Divulgação

O spinning, outro aeróbico, nada mais é que a chamada "pedalada indoor".


O spinning, outro aeróbico, nada mais é que a chamada pedalada indoor. Além de grande potencializador na perda de peso, de 600 a 800 cal, traz benefícios ao sistema cardiovascular e ajuda a fortalecer penas e coxas. É preciso apenas ficar atento à postura, e ajustar o assento conforme a altura do praticante.

Por fim, temos o pilates. Não existem estudos que comprovem a gasto calórico da atividade, mas já foi observado experimentalmente que ele tem, sim, um potencial de perda. Dependendo do peso do praticante, ela queima aproximadamente 390 calorias em programa moderado. É ótima para fortalecimento dos músculos e como método de alongamento.

Foto: Arquivo Nominuto

Pilates é ótimo para fortalecimento dos músculos e como método de alongamento.


Seja como for, o professor Bernardo Morais aconselha que as pessoas procurem um esporte ou exercício com o qual se identifiquem. Não é apenas uma questão de estética ou emagrecimento, mas, sobretudo, de saúde, enfatiza.

Autor: Por Melina França


 

 
Deixe seu comentário



Siga o Esporte Brasil
BRASIL
Notícias