Pikachu está a 2 gols de entrar para a história do Paysandu

Extraído de: ormnews.com.br.foot   Fevereiro 10, 2014

Com 31 gols marcados, lateral está prestes a se tornar o lateral direito mais artilheiro da história do clube

Não é dúvida que o lateral direito Yago Pikachu é a principal revelação da base do Paysandu Sport Club nos últimos 15 anos. E não é apenas pela sua volúpia e as habilidades técnica que vem encantando os torcedores bicolores, imprensa esportiva local e nacional, mas também pela facilidade em marcar gols.

Com apenas 21 anos, o jogador está mostrando que apesar de ter origem defensiva é um grande finalizador. No quarto ano como profissional do Paysandu e com o gol marcado no último final de semana (08), Yago chegou à marca de 31 gols, tornando-se o 34º artilheiro do centenário clube, igualando-se à Vandick Lima (ex-jogador e atual presidente do clube) e faltando apenas um tento para chegar aos 32 gols de Sidoca - lateral direito bicolor com mais gols feitos pelo clube nos meados da década de 1950 -. Pikachu também deixou para trás ídolos como Quarentinha Lebrego, Vélber, Arleto Guedes e Cacaio.

Em entrevista exclusiva ao ORM News, o prodígio lateral ficou surpreso ao ser questionado sobre a importante marca para sua carreira e na história no clube. 'Eu, (perto de ser) o maior artilheiro (lateral)? Eu não sabia disso! Me sinto feliz por estar perto de alcançar esta marca tão importante!', disse Yago Pikachu emocionado, revelando que quando estava na base nunca pensou em entrar para o hall de artilheiros do Papão. 'Isso me motiva muito mais', acrescentou.

Na temporada de 2013, o lateral foi um dos principais artilheiros da equipe, marcando 13 gols. Em 8 partidas que atuou pelo Papão em 2014, Yago já marcou quatro vezes. O jogador credita o início de temporada goleadora à sua nova função tática na equipe. Mazola Júnior faz um revezamento entre o meia Djalma e Pikachu, assim o treinador deixa o incisivo lateral mais perto do gol adversário. 'Com certeza. Com essa liberdade eu tenho mais chances de chegar na frente para fazer os gols', destacou. Se acostumando como o novo matador bicolor, Yago mantém os pés nos chão e deixa a briga pela a artilharia do Parazão para o camisa 9 Lima, que contabiliza 7 tentos no certame. 'Não! O Lima é o nosso artilheiro. Se for o caso de eu dar o passe para ele fazer os gols que a gente precisa, vou fazer!', concluiu o atleta, rindo.

Na noite desta terça-feira (11), o camisa 2 do Bicola está confirmado entre os titulares do time alviceleste para enfrentar o Náutico (RR), às 21h, no Ribeirão, em Boa Vista (RR), pela rodada de estreia da Copa Verde. 




 

 
Deixe seu comentário



Siga o Esporte Brasil
BRASIL
Notícias